Apresentação


A CDL/BH é uma entidade de classe sem fins econômicos, filiação política, partidária ou religiosa que há mais de 50 anos promove soluções para o comércio varejista e os setores de serviços de Belo Horizonte, e também contribui para o desenvolvimento social e econômico de nossa comunidade.

Atualmente, a Entidade é a porta-voz de mais de 12 mil associados, distribuídos em diversos segmentos, entre eles: instituições financeiras / bancos, telecomunicações, eletrodomésticos, instituições de ensino, hipermercados e supermercados, construção / imobiliário, serviços, varejo, entre outros.

A Entidade oferece soluções de SPC inteligentes para a tomada de decisões de crédito de seus associados, além de outros produtos indispensáveis para a gestão de seus negócios, como consultorias e assessorias, planos de saúde, cursos, enriquecimento de banco de dados, mão-de-obra qualificada, entre outros.

Como representante legítima da classe junto aos Poderes Públicos, no âmbito municipal, estadual e federal, visa sempre o desenvolvimento e fortalecimento da iniciativa privada.

É responsável por projetos importantes, que mudaram a face da cidade, como o Olho Vivo, a revitalização do Hipercentro e a realocação dos camelôs para shoppings populares. E teve papel fundamental nas mudanças sofridas pelas empresas de cartões de crédito. A unificação das máquinas de cartões representou o início da concorrência entre as operadoras, gerando queda de preços para o lojista.

Notícias Recentes

Prefeitura suspende os alvarás de funcionamento das instituições de ensino
25/09/2020 - Legislação e Justiça
Decreto 17.435/2020 suspende as atividades presenciais e os Alvarás de Localização e Funcionamento das creches, escolas de ensino infantil, escolas de ensino fundamental e médio, escolas superiores e centros de formação profissional.
Veja como ocorrerá a abertura de feiras permanentes em Belo Horizonte
24/09/2020 - Apoio ao Comércio
Segundo a Portaria, ficam autorizadas a retornar ao funcionamento, a partir de hoje, 24 de setembro, a Feira de Arte, Artesanato e Produtores de Variedades da Avenida Afonso Pena (Feira Hippie); a Feira de Bebidas, Comidas Típicas e Antiguidades Tom Jobim e a Feira de Plantas e Flores Naturais, ambas na Avenida Carandaí.
Comércio de Belo Horizonte registra queda de 8,83% nos sete primeiros meses do ano
24/09/2020 - Apoio ao Comércio
Desaceleração está diretamente ligada ao fechamento do setor e aos impactos causados pelo isolamento social
Governo Federal libera R$ 10 bilhões para micro e pequenas empresas
24/09/2020 - Apoio ao Comércio
Medida Provisória Nº 1002/2020 vai atender aos microempreendedores individuais, as microempresas e as de pequeno porte.

Seja um Associado »

Nossos Produtos

Score Saiba qual a probabilidade do consumidor tornar-se inadimplente nos próximos 3 ou 12 meses.
Compra de Mailing São listas personalizadas e segmentadas de acordo com perfil desejado para suas campanhas de marketing e outras finalidades
Jovens Aprendizes o elo entre os jovens em busca da primeira experiência profissional e empresas socialmente responsáveis.

... Carregando...