Nota da Câmara de Dirigentes Lojistas de Belo Horizonte

Apoio ao Comércio

Tendo em vista as inúmeras tentativas de colocar a culpa no comércio o aumento de casos de Covid 19 em Belo Horizonte, fato que, segundo os especialistas, já estava previsto para acontecer este mês, a Câmara de Dirigentes Lojistas de Belo Horizonte informa que o Número Médio de Transmissão por Infectado, que é um dos indicadores definidos pela prefeitura para avaliar o processo de flexibilização, estava em 1,09 no dia 22 de maio passado. Portanto, antes da primeira fase da reabertura do comércio. Este índice é altamente impactado pela aglomeração de pessoas.
 
Na sexta-feira passada, 26 de junho, dia em que a prefeitura decidiu pelo retrocesso no processo de flexibilização, este índice permanecia em 1,09, ou seja, não sofreu nenhuma alteração. Esta é a prova cabal de que a reabertura do comercio não foi a responsável pelo aumento do número de casos.
 
Por outro lado, caso a prefeitura de Belo Horizonte tivesse aberto os novos leitos prometidos no dia 29 de maio – somente lembrando, o Secretário de Saúde afirmou que já estava pactuado com os hospitais a ampliação dos leitos de UTI de 220 para 729 e os leitos de enfermaria de 647 para 1752 - na sexta-feira, 26 de junho, teríamos 34,5% de ocupação nos leitos de UTI, em vez de 85%. E 30% nos de enfermaria, em vez dos 69% registrados na sexta-feira.
 
Por último, a CDL/BH esclarece que, apesar de discordar profundamente da decisão tomada pelo prefeito de fechar o comércio novamente, não há qualquer orientação da entidade para que seus associados desrespeitem o decreto que definiu o novo fechamento. A CDL/BH lamenta que a falta de sensibilidade da prefeitura com relação ao comércio e a completa ausência de diálogo com o setor tenham levado à esta situação.

Notícias Recentes

Opinião do presidente da CDL/BH sobre a reunião desta quinta-feira com a PBH está entre os destaques no clipping de hoje
03/07/2020 - CDL na Mídia
Leia os temas mais comentados na mídia nesta sexta-feira,, 03 de julho
Nota da CDL/BH: restabelecendo a verdade
03/07/2020 - Apoio ao Comércio
Presidente da entidade, Marcelo de Souza e Silva, teria dito que no caso do fechamento do comércio a ?culpa não é da prefeitura?. Souza e Silva foi enfático ao dizer que o novo fechamento do comércio determinado pelo prefeito na sexta-feira passada, dia 26, foi provocado por dois fatores de responsabilidade direta da prefeitura: a falta de leitos de UTI e enfermaria para tratamento da doença.
Presidente da CDL/BH afirma que o comércio não conseguirá seguir com as portas fechadas e cobra atuação do prefeito. Assunto está entre os destaques do dia
02/07/2020 - CDL na Mídia
Saiba mais sobre este e outros dos assuntos com maior repercussão na mídia nesta quinta-feira, 02 de julho
Verifique as novas regras para o registro de empresas
02/07/2020 - Apoio ao Comércio
Instrução Normativa nº 81/2020 do Governo Federal estabelece novas regras para o registro público das empresas.

Notícias mais Populares

Seja um Associado »

Nossos Produtos

Score Saiba qual a probabilidade do consumidor tornar-se inadimplente nos próximos 3 ou 12 meses.
Assistência ao Consumidor Assessoria gratuita nas relações entre consumidor e lojista
Jovens Aprendizes o elo entre os jovens em busca da primeira experiência profissional e empresas socialmente responsáveis.

... Carregando...